top of page

Top série e filmes de 2021 - Podcast Storylândia

Top 10 séries do ano de 2021 segundo o Storylândia! Não perca, no final tem bônus! As 10 séries que adoramos ver em 2021. DISPONÍVEL também NO SPOTIFY





SPOTIFY: https://open.spotify.com/show/3rdPtow...

INSTAGRAM: https://www.instagram.com/annagregoau...

SITE: www.annagrego.com


ANNA GREGO

Seja bem vindo ao Storylândia. Eu sou Anna Grego.


EDUARDO GREGO

Eu sou Eduardo Grego.



ANNA GREGO

E esse é o nosso primeiro episódio de 2022 sobre o que nós vamos falar, Eduardo?



EDUARDO GREGO

Nós vamos falar do primeiro episódio do ano sobre as séries que nós assistimos no ano de 2021. E foram muitas séries, muitos filmes, mas aí que aí não vai caber tudo, né?



ANNA GREGO

E não dá para falar de todos, mas a gente escolheu os preferidos, além de escolher os preferidos para poder estar falando aqui. E a gente ranqueou.



EDUARDO GREGO

Exatamente para que não fosse muito injusto. Eu sugeri pra Anna. Implorei, falei por favor, vamos colocar um critério para que a gente possa fazer. E a gente chegou num consenso para falar sobre três critérios. Mas antes disso, se você está acompanhando a gente pelo Spotify, clica no botão Seguir e clica no sininho que está do lado e para poder receber as nossas notificações dos episódios.



EDUARDO GREGO

E se você está nos acompanhando pelo YouTube também no Anna Grego, Anna com dois ‘N’ também se inscreve no nosso canal e clica no sininho para você receber também as nossas notificações. Voltando aos nossos critérios, o que a gente preferiu usar na primeira, a história, obviamente a gente tem que falar sobre e sobre as histórias boas. O que nós assistimos, que a gente categorizou, entende como uma boa história na opinião da Anna, que ela assistiu mais do que eu até, na opinião dela.



EDUARDO GREGO

O segundo critério vai ser sobre a gente chamou de efeito surpresa. Deixa eu tentar exemplificar. No primeiro, como a gente não comercial de margarina, eu vou falar A Anna é uma pessoa que quando a gente vai assistir, ela tem um hábito, qualquer coisa, qualquer filme, qualquer série. Ela fica falando o que vai acontecer antes. Então, para não ficar muito chato que a gente tem feito agora, eu escrevo no papel e depois, como acaba o filme, a gente acaba vendo se acertou ou não.



EDUARDO GREGO

Então, quando não acerta é porque teve um tipo de efeito surpresa. Então eu acho importante colocar esse efeito surpresa. O que seria esse efeito surpresa? Eu tava conversando que o pouco antes. Como que poderia explicar isso? Eu vejo assim. Eu gosto bastante de terror. Então imagina que você está num filme serial killer estilo Halloween, como normalmente é feito aqui.



EDUARDO GREGO

Vai ter uma adolescente, tem várias outras, mas.



ANNA GREGO

Sempre terminam uma só que começa, ele termina uma só.



EDUARDO GREGO

E vai ter uma adolescente. Então ela sai da casa, ela sai um vai ter, sempre vai ter uma perseguição, ela vai estar lá naquela rua, você casa para um lado, casa para o outro, ela corre até o final da rua, chega lá. Detalhe, sempre ela estava correndo e atrás do serial killer que está perseguindo ela, o Mike Myers está perseguindo, vai estar o que? andando.



EDUARDO GREGO

Incrivelmente o cara tá andando e ela vai correr sempre num beco escuro onde não tem nada, ou então por uma floresta fechada de mata fechada. E normalmente a personagem vai estar o que, vai estar com um salto, então a personagem está lá. Ela entrou na floresta, ela entrou naquele beco escuro, então ela tende a cair, o efeito surpresa seria o que, imagina que você que está chegando lá, ela vai cair, mas ela não cai.



EDUARDO GREGO

Ela sai com sapato de salto, que normalmente também está correndo em salto, está correndo de salto. Ela cata esse salto e joga na cara do serial killer e atordoa eles correndo para um lado. Seria muito legal se isso acontecesse. Eu ainda não vi isso aí, então eu acho que dá para escrever em um conto. E quem gosta de terror e escreve contos de terror pode, pode usar minha ideia não tem.


ANNA GREGO

Não derrube as personagens.


EDUARDO GREGO

É, não derrubE as personagens vamos fazer campanha para as personagens e isso seria o efeito surpresa. Então eu acho que ficou bem claro isso. E por último, também um quesito que a gente usou, mas não menos importante, seria a partir da sensação e emoção que essa história, essa série, nos trouxe. A raiva, o medo, a surpresa também é uma emoção.


EDUARDO GREGO

Mas a gente prefiro categorizar a parte alegria, irritação, ansiedade.


ANNA GREGO

Mas a raiva não é aquela raiva que quando acaba você fala: pelo amor de Deus. Preferia ter visto o filme do Pelé.



EDUARDO GREGO

Assisti alguns também esse ano.


ANNA GREGO

Esse ano teve várias.


EDUARDO GREGO

E a gente pega aquela sensação de pânico igual O quarto de Jack Wahlberg, mas esses não foram séries nem filmes que a gente assistiu esse ano, mas tudo bem, para poder exemplificar essa parte aí eu acho que está legal. Ah, e tem um bônus. Se você está acompanhando a gente, fica até o final que vai ter um, vai ter um bônus.


EDUARDO GREGO

Bom, então sem mais delongas, começamos então pelo ranking das séries. Quantos vamos ter? Quanto você ranqueou?


ANNA GREGO

Eu coloquei dez séries, mas ficou apertado, então eu vou fazer algumas menções honrosas mais pro final.


EDUARDO GREGO

Legal. Então vamos lá. Em décimo lugar, qual seria?


ANNA GREGO

Décimo lugar? Eu coloquei Cidade Invisível da Netflix, uma série brasileira e dentre todas essas categorias aqui, eu coloco aqui ela e ela está no ranking por ser uma série de fantasia, e uma série brasileira. Se a gente procurar na memória, série fantástica brasileira, você vai procurar e não vai achar. Vai lembrar lá do Castelo Rá-Tim-Bum, que era uma série infantil muito legal, mas assim, as séries mais atuais é muito difícil você encontrar.


ANNA GREGO

Então eu coloquei aqui porque eu fiquei muito feliz com o resultado. A gente vai evoluir ainda mais nesse quesito nacional, mas eu estou muito feliz com o jeito que eles trabalharam a fantasia e tende a melhorar ainda mais. Então, Cidade Invisível, meu décimo lugar.


EDUARDO GREGO

Depois do décimo, então nós vamos para o nono lugar.


ANNA GREGO

Nono lugar. Eu coloquei uma série da HBO. Chernobil não foi lançado esse ano, mas eu assisti esse ano. Então é o que eu assisti esse ano, que a gente assistiu esse ano. A gente assistiu ela de uma vez, porque é uma série que vai te envolvendo. A maneira como eles contam tudo o que aconteceu lá naquela cidade me envolveu bastante no quesito história, então por isso ela está aqui no nono lugar.


ANNA GREGO

É uma série excelente.


EDUARDO GREGO

Eu gostei bastante também. Vou falar um pouco também, deixando a questão política que mostra um pouco.


ANNA GREGO

Política russa, né, da época


EDUARDO GREGO

Como que era. Então, para quem gosta de uma parte histórica e gosta de entender como que funciona um pouco ali, retrata um pouco de como, de como o governo tratava, como lidava com aquelas situações. A parte que eu mais gostei é a parte dos mineiros. Foi na hora que o cara pega, se dispõe, se vê a partir do nacionalismo, o patriotismo do cara.


EDUARDO GREGO

Ele sabe que ele vai morrer, mas ele vai fazer e realizar o serviço por conta do país dele. Uma coisa interessante.


ANNA GREGO

Uma personagem que eu gostei bastante. Eu não me lembro agora o nome, que eram todos nomes muito difíceis, né. Camarada, eles chamavam de camarada, mas a personagem daquela doutora que acompanhou os personagens principais, ela foi um personagem fictício, criado para representar todos os cientistas que acompanharam aqueles dois, aqueles, aqueles dois personagens principais na história real. Então ela é a essência daquela personagem, São várias pessoas e eu achei uma personagem muito forte e o que ela representou dentro da história, então é uma história envolvente. Então é que pela história, pela produção também, né? Porque foi.


EDUARDO GREGO

Fantástico.


ANNA GREGO

É uma produção fácil de fazer e está aqui no nono lugar.


EDUARDO GREGO

Oitavo lugar.


ANNA GREGO

Então o oitavo lugar aqui no meu oitavo lugar eu estou mais para o efeito nostálgico. A surpresa está na Disney ter trazido essa essa série para o catálogo dela. É uma série que eu assistia quando eu era criança. Eu lembro muito. E Memória Afetiva é uma série engraçada, é uma série leve e tem uma história superlegal que é o Zorro, uma série que é em preto e branco, em preto e branco e é muito legal.


ANNA GREGO

Eu assisto, mostra para os meus filhos que é uma série que dá para assistir em família. Eu assistia quando criança. Eu sou apaixonado por esse super herói. Um dos primeiros livros que eu li na minha vida foi A Lenda do Zorro, então eu tenho um carinho muito grande por essa história. Fiquei muito feliz com a Disney colocando a série acho que de 58 anos, 58, se eu não estou enganada. Bom o Zorro tem uma série em 57, e um filme em 58, mas são vários episódios e na minha memória assim, a cara do Zorro é a cara do ator lá que faz o personagem da série de 57, o Don Diego de La Vega


ANNA GREGO

é o pai, o Don Alejandro. Para mim, o Garcia, o sargento Garcia, para mim é assim. Falou desses personagens, eu lembro desses atores. Então o Zorro é nostalgia pura


EDUARDO GREGO

E todo mundo fica com vontade andar de cavalo. Depois tem um corcel negro para chamar de tornado, legal. Então vamos para a nossa sétima posição no seu ranking. Anna, qual seria?